Dona Xepa

A feirante Carlota Losano é uma mulher inculta, simpática e explosiva, conhecida por todos da Vila do Antigo Bonde como Dona Xepa. Bondosa e dona de um otimismo singular, ganhou o apelido por distribuir o que sobra em sua barraca aos pobres.

 

 

Sem instrução e abandonada pelo marido, Esmeraldino, Dona Xepa cumpre o papel de mãe e pai, trabalhando dobrado para garantir um futuro digno aos filhos, Édison e Rosália. Ao ser questionada sobre a dedicação integral aos filhos, Xepa é categórica ao afirmar que não faz nenhum sacrifício. Diz que pobre é a mãe que não pode fazer tudo pelos herdeiros. Assim é a protagonista desta história; a figura materna em sua expressão máxima.

O pequeno bairro da Vila do Antigo Bonde, uma espécie de oásis residencial em meio a tantos arranha-céus, possui todas as características de cidades do interior: amizade e rivalidade entre os vizinhos, romances, fofocas, mistérios e muitos barracos.

Com uma história emocionante e uma trama envolvente, Dona Xepa oferece ao telespectador uma variedade de gêneros: romance, humor, ação, drama. A novela tem o objetivo de entreter com qualidade, emocionando e divertindo, surpreendendo a cada capítulo.